Compartilhe

Sobre o Câncer Colorretal

O câncer do intestino grosso, também chamado câncer de cólon e reto, ou câncer colorretal, é uma doença que atinge indistintamente homens e mulheres.

Se o câncer se formar a partir de um pólipo, pode se desenvolver na parede do cólon ou do reto ao longo do tempo. A parede do cólon e do reto é composta de várias camadas. O câncer colorretal começa na camada mais interna (mucosa) e pode crescer através de uma ou todas as camadas.

Na maioria das vezes, o câncer colorretal se desenvolve gradativamente por uma alteração nas células que começam a crescer de forma desordenada sem apresentar qualquer sintoma. Por esse motivo, a detecção precoce é fundamental.

Quanto mais cedo é diagnosticado, maiores as chances de cura da doença.

 

Existem vários tipos de câncer que se iniciam no cólon ou no reto:

  • Adenocarcinomas. Os adenocarcinomas representam mais de 95% dos cânceres colorretais. Se iniciam nas células que produzem o muco que lubrifica o interior do cólon e do reto.
  • Tumores carcinoides. Estes tumores começam nas células do intestino que produzem hormônios específicos.
  • Tumores estromais gastrointestinais (GIST). Começam a partir de células específicas na parede do intestino denominadas células intersticiais de Cajal. Estes tumores podem ser encontrados em qualquer parte do trato digestivo e são incomuns no cólon.
  • Linfomas. São cânceres das células linfáticas como dos linfonodos, mas também podem se iniciar no cólon, no reto ou em outros órgãos.
  • Sarcomas. Estes tumores podem se iniciar nos vasos sanguíneos, no tecido muscular ou conjuntivo na parede do cólon e do reto. Os sarcomas do cólon ou do reto são raros.

Fonte: American Cancer Society (21/02/2018)

COMENTAR

Deixe seu Comentário